11 novembro 2011

Contado por Nana Maia às 16:07
Reações: 
Tão bom seria se olhássemos a vida com os olhos puros de uma criança. Sem enxergar problemas. Sem diferenças. Sem inimizades.

0 Contos:

Postar um comentário

 

Contos de M.Maia Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos