21 fevereiro 2011

Contado por Nana Maia às 16:27
Reações: 


Não podemos ter tudo o que queremos. Nem sempre o caminho mais fácil é o que nos trás felicidade.
Escolhi pular do penhasco, a ir pela trilha.
Escolhi começar a chupar a manga pelo caroço.
Escolhi viver a minha felicidade, meu amor e tenho momentos isubstituiveis.
Não precisamos abrir mão das demais coisas, mas temos que agarrar com mais força apenas uma.
Não podemos ter tudo, mas podemos ter o que o coração mais anseia entre todo o resto.


O que seu coração mais anseia por viver?
M.Maia

0 Contos:

Postar um comentário

 

Contos de M.Maia Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos