17 janeiro 2011

Capacidade

Contado por Nana Maia às 09:13
Reações: 
Olhe para o espelho. Quem você vê?
Quando olho eu vejo o que eu quiser! 
Hoje se eu olhar, verei uma mulher apaixonada, extremamente apaixonada!
Amanhã já não sei.
Noutro dia vi uma mulher com dúvidas, em um outro a deprimida.
Eu tenho a capacidade de fazer de mim o que quiser, minha mente é um eu paralelo que merecia até mesmo um corpo só dela.
Mas depende de mim ser feliz, depende de mim a aceitação, a renúncia, o amor próprio, me doar!
Nada, extremamente nada é impossível, basta sua capacidade de riscar o im da possibilidade.

0 Contos:

Postar um comentário

 

Contos de M.Maia Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos